Sexta, 15 de dezembro de 201715/12/2017
86 9 9455-5513
Loja Santos Magazine
ECONOMIA
Governo aumenta impostos sobre combustíveis para fechar conta
Será elevada a alíquota do PIS/Cofins
Marcos Genilson Teresina - PI
Postada em 20/07/2017 ás 10h09 - atualizada em 25/07/2017 ás 12h03
Governo aumenta impostos sobre combustíveis para fechar conta

Apesar da baixa popularidade – reflexo da crise política e das delações – o presidente Michel Temer (PMDB) autorizou a alta nos impostos com a justificativa de que a medida é necessária para fechar as contas públicas e obter a meta fiscal.


Será elevada a alíquota do PIS/Cofins, que incide sobre os combustíveis e não depende do aval do Congresso para entrar em vigor. Agora, aguarda-se apenas a formalização, via decreto, para que o imposto seja, de fato, aumentado.


Nos cálculos da área técnica do governo, cada R$ 0,01 de aumento na alíquota do PIS/Cofins sobre a gasolina resulta em uma arrecadação anual de R$ 440 milhões. No caso do diesel, a receita é de R$ 530 milhões.


A alta do imposto dos combustíveis acontece num momento em que o brasileiro vem comemorando as constantes quedas nos valores do diesel e da gasolina, reflexos da nova política de preços da Petrobras.


Gasolina


Rombo nas contas


Na última terça-feira o governo identificou um rombo de aproximadamente R$ 10 bilhões para cobrir o Orçamento. Desde o início já se estimava que esse buraco seria parcialmente coberto pelos impostos. Apesar da alta do combustível já ser certa, também não estão descartadas a alta da alíquota do IOF sobre o câmbio ou operações de créditoe ainda a elevação da Cide sobre combustíveis.


 


 

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
268
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium